liberty

Empresa dá lição de moral em cliente mal educado no Facebook e ganha uma legião de fãs

Por: Matheus Ferreira

Na minha opinião, quem acredita que o cliente sempre tem razão é um belo de um bunda mole. Lógico que o cliente merece todo respeito e atenção do mundo, mas não. Não é sempre que ele tem razão. E parece que o Ryan Clark, co-fundador da empresa americana Liberty Bottleworks pensa da mesma forma.

Um consumidor comentou na página da empresa reclamando do serviço e, principalmente do atendimento.

“Não negocie com esta empresa(…) Eles fornecem um número de telefone que ninguém atende. Se você tem um prazo, como o Natal, pode esquecer. O produto é ótimo. A empresa, não.”

Ryan Clark, ao ver o comentário desaforado do cliente com claras pretensões de prejudicar a empresa, foi enfático na resposta:

“Recebemos suas inúmeras mensagens de voz e e-mails. A responsabilidade é minha, mas nossa equipe de atendimento ao cliente não vai ajudá-lo nos fins de semana. Seu correio de voz afirmou ‘estamos no período de férias e você deveria estar trabalhando’ e seu e-mail disse ‘em vez de fazer meus cartões de Natal e aproveitar o espírito do feriado, eu estava lidando com isso’. Talvez você precise passar um pouco mais de tempo abraçando o espírito do feriado. Meus funcionários estavam em casa com suas famílias fazendo seus cartões, biscoitos, etc. Familiares em primeiro lugar, produtos em segundo”

liberty-response-2013
Print da conversa entre co-fundador e cliente

Há quem pense que uma resposta como esta pode ser prejudicial à imagem da empresa, ainda mais se tratando de Facebook, mas não foi o que aconteceu. Após a resposta, a página da empresa ganhou uma legião de likes de clientes sensatos, que sabem que os valores familiares e a honestidade valem mais que qualquer filosofia de marketeiro mal-amado.

Leia também:  Zuckerberg desafia Neymar em game de futebol do Messenger
talking about liberty bottleworks
“Falando sobre” da empresa cresceu cerca de 100 vezes.

Clark, que deu até entrevista de TV explicando o ocorrido, disse que além do retorno de conhecimento de marca, as vendas praticamente dobraram.

Quando eu crescer, quero ser igual a esse cara.

Com informações de: AdNews

Com amor, GKPB. <3

Publicado por

Matheus Ferreira

Matheus Ferreira, 25. Publicitário, fundador do @gPublicitario, ♓, amante de arte, música e tecnologia. Snap: ferreiramaath

Comentários