Quem aprovou isso? – Linguiça Sadia com 30% menos sódio e o segredo da juventude

Por: Matheus Ferreira

Hoje nós estamos estreando uma nova coluna aqui no Geek Publicitário chamada “Quem Aprovou Isso?”. A ideia é reunir algumas daquelas propagandas que depois que acabam a gente fica uns 5 minutos parados olhando pra TV tentando encontrar algum sentido.

E pra estrear nossa coluna hoje vem a propaganda mais estranha da Sadia que eu já vi na minha vida.

Duas amigas se encontram na rua depois de 10 anos. Uma para e pergunta pra outra qual o segredo pra manter a beleza depois de tanto tempo. A resposta é surpreendente algo que qualquer mulher diria numa ocasião como essas.

Não basta uma pessoa encontrar com a outra no meio da rua e, depois de 10 anos, a primeira pergunta ser sobre o cabelo, o texto todo tem que ser totalmente estranho.

– Esse cabelo maravilhoso. O que é que você faz pra ficar assim?
– Eu, sei lá! Eu como linguiça Sadia. Uma delícia!

S-E-I-L-Á-! Com certeza depois de uma pergunta sensacional como essa, a melhor forma de mostrar um benefício é utilizando um “SEI LÁ!”.

Leia também:  Pepsi apresenta novo posicionamento "Só que sim"
comercial-linguica-sadia-e-esse-cabelo-maravilhoso-blog-geek-publicitario
A cena é tão natural, mas tão natural que a própria atriz se sente constrangida.

Os comentários do vídeo no Youtube são ainda mais sensacionais. “Que que é isso? Hahaha. Beira o ridículo e ofende minha inteligência.” disse um dos internautas. Outro foi ainda mais crítico: “[…] claro que a intenção era mostrar que o motivo é a redução de sódio na linguiça, mas por favor, tem gente inteligente e assiste tv”.

O anúncio faz parte de uma nova campanha da Sadia intitulada “Crônicas da Vida Moderna”. Ou seja, há chances de nos depararmos com outras pérolas como esta. O que resta é esperar pra [não] ver.

Veja este e outros destaques em nosso canal no Youtube:

Com amor, GKPB. <3

Publicado por

Matheus Ferreira

Matheus Ferreira, 26. Publicitário e fundador do Geek Publicitário. Falo sobre Publicidade, TV, Design e Tecnologia.

Comentários