Skol volta a apostar na diversidade em comercial para o verão

Por: Matheus Ferreira

Enquanto algumas marcas como a Proibida se envolvem em polêmicas ao lançar uma cerveja somente para mulheres; outras, como a Skol, têm surpreendido positivamente com uma mensagem de diversidade e empoderamento em sua campanha Redondo É Sair do Seu Quadrado, lançada neste verão.

No filme lançado nesta semana, a marca continuou o tom positivista e empoderador já adotado no primeiro comercial da campanha que lançado ainda no fim do ano passado. “Vergonha? Vergonha do quê? De ser narigudo? Gordinha?” diz o texto do comercial. Assista:

Vergonha?
Vergonha do quê?
De ser narigudo? Gordinha?
Ah, fala sério.
Põe essa careca no sol.
Tira a camisa, meu irmão, mostra esse peitinho.
Vai de biquíni, meu amor.
Sente o vento na cara, no narigão, na cabeleira…
A vida é longa e o verão é curto.
Você tem espelho em casa?
Então sai de casa. Vê se se enxerga.
Verão Skol. Redondo é sair do seu quadrado.

Depois de enfrentar diversas polêmicas diante dos consumidores mais preocupados com a cultura do machismo, a Skol aparentemente entendeu que não é preciso usar a receita básica de objetificação do corpo feminino para vender cerveja. Resta ver até quando isso vai durar, mas espero mesmo que continue nessa pegada.

Com amor, GKPB. <3

Comentários

Novo comercial da ‘quem disse, berenice?’ é uma ode ao empoderamento feminino

Por: Matheus Ferreira

O novo comercial da marca de cosméticos “quem disse, berenice?” ficou uma delícia de se ver. Isso porque na nova campanha a empresa decidiu apostar na liberdade e no poder feminino para provar que as mulheres podem ser e fazer tudo aqui que quiserem.

Na peça “pode!” a marca traz mulheres de todos os estilos, tamanhos, manequins, cor de pele, penteados, tudo pra reforçar o conceito de liberdade que deve ser explorado nas próximas peças.

A gente acredita que todas as pessoas devem ser livres. livres pra encontrar a sua verdade e a sua beleza.
E a gente também acredita que a liberdade só existe quando é compartilhada e respeitada por todos.
Ser livre é saber que nem a verdade de um, nem a de outro, são absolutas e que elas podem – sim – ser respeitadas e conviverem num mundo que precisa de diversidade.
Quem disse que você não pode escolher o que é melhor pra você?

Quem disse, Berenice?

Com a gigantesca repercussão positiva da estratégia adotada pela Avon nos canais digitais em abraçar as causas sociais na luta a favor de uma maior representatividade em sua comunicação, era apenas questão de tempo até que os concorrentes decidissem correr atrás do tempo perdido.

E depois de tanta polêmica com a campanha de Dia dos Namorados, em 2015, aparentemente o Grupo Boticário acreditou que seria melhor apostar em sua marca secundária “Quem Disse, Berenice?”, ao invés de colocar em risco sua empresa mais forte.

Com amor, GKPB. <3

Comentários