O fim da TV analógica que estava previsto para acontecer ainda este ano foi adiado agora para 2018 pelo fato de boa parte dos telespectadores brasileiros ainda não terem conversores de sinal ou TVs compatíveis em casa. Por este motivo a Anatel decidiu tomar uma decisão mais firme e obrigou as emissoras a transmitirem o sinal analógico no formato widescreen.

O formato, também conhecido tecnicamente como 16:9, que já é adotado no padrão digital agora também chega às TVs analógicas. Isso, é claro, significa que agora quem está acostumado com o sinal analógico passará a ver mais informações na tela, em troca de uma imagem menor no geral. Com duas faixas pretas, uma em cima, outra em baixo. Um formato conhecido como Letterbox.

Leia também:  Novo Logo Boticário, E-commerce Cinemark e Chinelos Rider Geek | GKPB Em Vídeo #157
antigo-vs-novo-formato-analogico-blog-gkpb
Novo formato conserva proporções widescreen, mas mantém dentro de uma caixa no formato janela clássica. O 4:3.

O espaço “perdido” deverá ser aproveitado ainda como um lembrete aos desavisados. Além de contar com um grande “A” indicando que o sinal é analógico, a área receberá ainda uma contagem regressiva indicando quando será o fim da transmissão daquele sinal naquela região.

Impacto nos GCs e demais informações exibidas na tela da Globo

A TV Globo foi o primeiro grande canal de TV Aberta a implantar o formato Letterbox, e a mudança influenciou até mesmo o público que assiste o canal pelo formato digital.

Isso porque o logo da emissora em marca d’água e os demais geradores de caracteres, que ficavam no limite imaginário da transmissão em janela clássica (4:3) para ser também exibido no analógico, agora podem ocupar todo o espaço lateral da tela.

Leia também:  Ajinomoto apresenta novo logo e nova identidade visual

antes-e-depois-gc-globo-logo-canto-tela-widescreen-digital-2-analogico-blog-gkpb

Ou seja, se você estranhar encontrar o logo da emissora no canto direito, saiba que você não está ficando maluco e ele estava ali perto, mas agora pode ir para o canto sem desaparecer na transmissão analógica.

comparaca-logo-antes-depois-globo-blog-gkpb
Em um caso de logo duplicado na tela dá pra perceber onde era posicionado versus onde está agora.

De qualquer forma até mesmo a Globo está um pouco perdida com tanto espaço disponível horizontalmente. Nas primeira transmissões utilizando a nova área disponível ficou bem difícil encontrar um padrão de posicionamento dos itens na tela.

A safe area (área de segurança) da esquerda da tela estava bem maior que a da direita. Além disso, o alinhamento da marca d’água está bem mais próximo do limite inferior, que do limite à direita.

Leia também:  Canal VIVA apresenta novo logo e nova identidade visual
Com nova proporção padrão, TV Globo se atrapalhou na hora de posicionar os elementos na tela.
Com nova proporção padrão, TV Globo se atrapalhou na hora de distribuir os elementos na tela.

O novo formato de distribuição de imagem ainda deve ser adotado pelas demais emissoras que mantém a transmissão no sinal analógico até que todas as cidades do país possam, enfim, desligá-lo. A cidade de Rio Verde, no Goiás, já saiu na frente e é a primeira cidade do país a contar com o sinal 100% digital. Agora só faltam as outras 5.569.

Com informações de Rede Globo e João Xavier.

Com amor, GKPB <3

Acompanhe novidades em tempo real seguindo nosso perfil no Instagram.