Pioneira no Brasil, graduação em Mídias Sociais da Bela Artes ganha nota máxima no MEC

Por: Matheus Ferreira

Se você está chegando agora no mundo da publicidade, pode até achar estranho, mas em 2014 parecia um certo absurdo uma instituição bastante reconhecida como a Belas Artes lançar uma graduação em Mídias Sociais Digitais, mas a universidade decidiu apostar no tema e hoje o curso acaba de divulgar que garantiu a nota máxima do MEC.

Essa foi a primeira vez que esse curso passou pelo crivo do Ministério da Educação e já garantiu o primeiro lugar após ser analisado em três dimensões: organização didático-pedagógica, corpo docente e tutorial e infraestrutura.

Mídias Sociais Digitais na Belas Artes

O curso teve sua primeira turma em 2014 e recebeu muita crítica de profissionais e docentes por dar destaque a algo que teoricamente poderia ser encaixado em outras graduações já existentes. Mas hoje esta turma já tem mostrado resultados significativos: o aluno João Marco, por exemplo, foi premiado com três leões em Cannes pelo projeto “A Voz da Arte”, que popularizou o IBM Watson ao permitir que pessoas conversassem com obras da Pinacoteca de São Paulo.

Leia também:  Anhembi Morumbi aposta no "destradicional" em nova campanha

Se em 2014 o curso parecia uma loucura, hoje o mercado já tem entendido que a nova profissão veio para ficar. “A Universidade Federal do Pernambuco nos procurou e está enviando uma equipe para estudar nossos métodos, porque também têm interesse em abrir a disciplina”, afirmou ao Geek Publicitário a Profa. Dra. Carol Garcia.

A matriz curricular contempla matérias como: Digital Branding, Digital Coolhunting, Sociedade Digital, Criação Visual e Multimídia e Netnografia.

Com amor, GKPB. <3
Acompanhe novidades em tempo real seguindo nosso perfil no Instagram.

Publicado por

Matheus Ferreira

Matheus Ferreira, 26. Publicitário e fundador do Geek Publicitário. Falo sobre Publicidade, TV, Design e Tecnologia.

Comentários