Eu acho que todo publicitário tem o sonho de fazer um comercial que acabe se tornando um sucesso e bordão popular. E foi exatamente o que aconteceu com o conceito das propagandas adotadas pelos Postos Ipiranga desenvolvido pela Talent Marcel.

O ponto negativo é que tem sempre algum espertinho querendo tirar proveito desse sucesso. Em 2016 a companhia teve de pedir a suspensão de um anúncio do então candidato à prefeitura de SP João Dória, por utilizar um conceito bastante similar. E agora é a vez de o governo federal se utilizar do mote para defender a reforma da previdência.

A peça criada pela Isobar tem um tom ainda mais agressivo e politizado que a de João Dória. No vídeo o personagem responde a perguntas como “Sabe onde eu encontro gente se aposentando com salário de 30 mil reais?” e “Onde eu encontro aposentado com 50 anos?”. Assista:

Leia também:  Festival do Clube 2018 abre as portas para estágio

Ao Meio & Mensagem, o diretor executivo de criação da Isobar, Mateus Braga, afirmou que a campanha não seria uma cópia, mas sim uma homenagem. Homenagem bastante semelhante à que a rede de postos já havia pedido a suspensão dois anos atrás.

Vale lembrar que em agosto do ano passado, a agência Isobar havia contratado o marqueteiro do presidente Michel Temer como diretor de atendimento e conteúdo. E para piorar a situação, a agência divide, junto à TV1, um contrato de 44 milhões de reais com o governo desde 2015. Em 2016 a Isobar chegou a ser delatada pelo empresário Benedito de Oliveira, o Bené.

O Geek Publicitário entrou em contato com a Talent Marcel e com a Assessoria de Imprensa dos Postos Ipiranga e não recebemos nenhuma resposta.

Leia também:  Você se acha muito velho(a) para cursar publicidade? | PP #07

* Publicação atualizada em 09/02/2018 às 17h36 para inserir a informação de que o contrato de 44 milhões é dividido com a TV1.

Com amor, GKPB <3

Acompanhe novidades em tempo real seguindo nosso perfil no Instagram.