Os comerciais da Dolly já são um dos patrimônios culturais imateriais da publicidade brasileira. A empresa até tentou apostar em algo mais dentro do padrão há alguns anos, mas a ideia deixou todos os consumidores desesperados com a possibilidade de filmes banais como quaisquer outros. E de olho nisso, a companhia decidiu provar que não deixou de lado seu estilo recriando um clássico de Páscoa.

O filme recriado foi feito com base no anúncio de Páscoa original, criado em 2009, onde apresenta os filhos do dono da companhia Laerte Codonho vestidos de coelho com uma música que é praticamente impossível não ficar na cabeça ou ainda não cantar junto. No novo filme os mesmos atores são utilizados. Ou seja, os filhos de Laerte aparecem um pouco mais crescidinhos. Veja:

Leia também:  Burger King retrata "rolezeiro" em comercial do King em Dobro

Confira o filme original, gravado há 10 anos:

Vale lembrar que a Dolly é uma das poucas empresas que apostam neste formato, que já foi inclusive vetado pelo Conar por utilizar de linguagem infantil para vender produtos, o que seria considerado “verbalização de consumo”, que é proibido para crianças de acordo com o Conselho. Apesar disso, a Dolly conseguiu na justiça o direito de não ter seus comerciais julgados pelo Conar.

O novo anúncio chega para resolver de uma vez por todas o impasse com o órgão que já se estende por anos. A ideia é que agora, sem crianças, o Conar e a Dolly finalmente façam as pazes.