Cada dia mais difícil utilizar maquiagem e ser conservador no Brasil. Eu digo isso porque uma onda preconceituosa se instalou na nossa sociedade e vem querendo boicotar tudo o que não é espelho. Foi o que aconteceu desta vez com a Natura: a empresa publicou recentemente em seu canal de maquiagem um vídeo onde conta a história de amor de três casais gays.

O anúncio (que ficou lindo, diga-se de passagem…) conta a história das mulheres negras Hadassa e Dayane, professora e aluna de dança que se apaixonaram; a Drag Queen Nathalia e Beatriz; e ainda a modelo trans Gabriele e a DJ Dominich, que começaram como amigas inseparáveis e acabaram se apaixonando. Assista:

Lindas, apaixonadas e muito bem resolvidas. Estas são as personagens da nova campanha de Natura que está incomodando preconceituosos na internet.

No Twitter a hashtag #BoicoteNatura acabou entrando em primeiro lugar nos Trending Topics, com pessoas dizendo que a marca deveria voltar suas vendas para o público gay e defenderam o boicote. Ainda assim, diversos outros internautas ficaram do lado da campanha e ressaltaram o importante papel da companhia.

Leia também:  Assista "Romeo y Julio" o comercial do Uber sobre o casamento gay

A rede respondeu em suas redes sociais uma declaração de apoio do ator e apresentador Erick Krominski, onde disse que “O amor cabe em todas as cores”.

Vale lembrar que O Boticário e Avon também já foram alvo de boicote dos mais conservadores por promoverem a diversidade em suas campanhas. Aos preconceituosos só restou mesmo a Jequiti, de Silvio Santos, conhecido por dar diversas declarações homofóbicas em rede nacional.

Leia também:  Assista "Romeo y Julio" o comercial do Uber sobre o casamento gay

Em tom de ironia, o youtuber Felipe Neto relembrou algumas das marcas que já teriam se declarado abertamente em apoio aos homossexuais e sugeriu um boicote um pouco mais racional.

Com amor, GKPB <3

Acompanhe novidades em tempo real. Siga nosso perfil no Instagram.