Para quem vive nas cidades grandes uma boa opção para se locomover e fugir do trânsito em distâncias curtas são as bicicletas e patinetes compartilhados, em São Paulo, por exemplo, já existem algumas empresas como a Yellow e Grin. E agora a Lime também chega ao Brasil para entrar na disputa de mobilidade alternativa.

A Lime já é conhecida e é uma das maiores no ramo fora do Brasil, está presente em mais de 26 países e 100 cidades e desembarca no país em duas cidades nesta primeira etapa, São Paulo e Rio de Janeiro são as escolhidas e também poderão compartilhar os patinetes e bicicletas disponibilizados pela empresa.

Já existem placas sinalizando o serviço espalhadas pela cidade e o aplicativo, já habilitado para o Brasil, mostra alguns patinetes distribuídos e uma grande concentração em outro ponto, se tratando, provavelmente, de um centro de distribuição e/ou testes da empresa.

Segundo Paulo Henrique Ferreira, diretor de operações da Lime Brasil: “No Brasil, cada vez mais pessoas procuram novas formas de se movimentarem dentro das cidades e valorizam os produtos que se adaptam às suas necessidades e, acima de tudo, que sejam ecologicamente sustentáveis. A Lime oferece transporte acessível para deslocamentos de curta distância e vira uma solução de mobilidade”.

O valor para desbloquear o patinete é de R$ 3,00 e mais R$ 0,50 por minuto de utilização. Para utilizar os equipamentos é preciso adicionar saldo à sua carteira antes de iniciar uma corrida, como já funciona com as outras empresas. A previsão é que o serviço esteja operando até amanhã (2).

Vale lembrar que o Uber deve lançar seu serviço de transporte limpo “JUMP” em breve por aqui também.

Publicidadeleobalbi-cabore