O mercado de trabalho é machista e muitas mulheres encontram muitas barreiras até conseguirem encontrar um emprego e ainda depois disso, enfrentam situações desconfortáveis dentro do trabalho. Pensando nisto, Sophia Amoruso, lançou uma espécie de “LinkedIn” das mulheres, a Girlboss.

Sophia Amoruso é uma empresária americana e fundou a Nasty Gal (varejista de moda feminina, considerada uma das empresas de crescimento mais rápido) e recentemente lançou uma startup, a “Girlboss”. Além disso a startup lançou uma plataforma que é uma alternativa ao LinkedIn e possui o mesmo nome da empresa, a plataforma é totalmente focada nas mulheres e foi ao ar neste fim de semana.

A empresária destaca: “Espero que as mulheres possam compartilhar não apenas o que fazem, mas quem são, trazendo um senso de sua personalidade e aspirações de que realmente orgulham seus perfis”.

O intuito da “Girlboss” é facilitar a conexão entre mulheres que são empreendedoras, freelancers e criativas. Assim como funciona no LinkedIn, as membras da comunidade podem criar um CV e inserir informações sobre trabalhos anteriores.

A plataforma é gratuita e você, se for mulher, claro, pode se cadastrar em www.girlboss.com (lembrando apenas que é uma plataforma para mulheres).

19 anos, estudante de publicidade e propaganda pelo Centro Universitário Belas Artes de São Paulo. Apaixonado por fotografia e audiovisual :)