A Advertising Standard Authority (ASA), órgão regulador de publicidade do Reino Unido, precisou tomar ações rígidas referente a comerciais de empresas como Philadelphia e Volkswagen devido ao alto número de reclamações por perpetuarem esteriótipos de gêneros.

Segundo a ASA, as campanhas infringiram as regras quando diz respeito a esteriótipos de gênero, que se tornaram mais rigorosas em dezembro de 2018. A ideia é impedir que anúncios tragam “estereótipos de gênero que possam causar danos ou ofensas graves ou generalizadas”.

O anúncio da Philadelphia em questão recebeu 128 denúncias após chegar nas televisões. O filme da marca mostrou dois pais atrapalhados que acidentalmente deixam seus filhos em uma esteira rolante, e as reclamações apontam por conta da ideia de que “homens não conseguem cuidar de seus filhos sozinhos”. Confira:

Leia também:  Nestlé divulga preço e data de lançamento do novo Galak em Pó

A agência responsável pelo comercial alegou que o propósito da campanha era mostrar que os pais acharam o produto tão delicioso que se distraíram momentaneamente no momento de cuidar de seus filhos.

Já o comercial da Volkswagen recebeu menos denúncias. Segundo a ASA, esse filme recebeu 3 reclamações do público, que alegou que atividades de aventura e superação é sempre feita por homens, enquanto mulheres aparecem nos papéis mais delicados.

Em sua defesa, a Volkswagen alegou que a mensagem do comercial é “a capacidade do espírito humano de se adaptar aos desafios e mudanças trazidos pelas circunstâncias”, com o argumento de que os personagens mostrados não realizaram ações estereotipadas para um gênero.

Leia também:  Passatempo ganha sabor Chambinho

Outra empresa que entrou na régua da ASA foi a Buxton, água mineral distribuída pela Nestlé que, segundo o órgão regulador, recebeu 5 denúncias contra o anúncio que mostra uma bailarina, um baterista e um remador, também devido aos esteriótipos praticados.

A Nestlé defendeu seu comercial dizendo que o filme apresentou pessoas reais que praticam aquelas atividades, argumentando que os personagens em questão não deveriam ser definidos por gênero, mas pelas dificuldades que tiveram que superar.

O único anúncio dessa publicação que não foi suspendido foi o da Buxton, pois a ASA decidiu que não quebrava a regra do estereótipo de gênero por mostrar situações reais de superação. No entanto, os anúncios da Philadelphia e da Volkswagen realmente foram proibidos de circular no Reino Unido.

Leia também:  Nestlé apresenta novo Negresco Mega Recheio

Com amor, GKPB <3

Acompanhe novidades em tempo real. Siga nosso perfil no Instagram.