A marca Dior contou com o ator Johnny Depp para promover em um comercial seu novo perfume e acabou se tornando alvo de críticas na internet e sendo acusada de “apropriação cultural”.

O filme em questão promovia o perfume “Sauvage” da marca e mostra o ator tocando guitarra enquanto divide a cena com os nativos americanos. Confira o filme:

A campanha apresentava o tema de “uma autêntica jornada nas profundezas da alma dos nativos americanos em território sagrado, fundador e secular” e, por conta disso, a empresa e o filme foram alvos de críticas que acusam a marca de “apropriação cultural”, uma vez que Johnny Depp não é um nativo americano.

Além disso o nome do perfume (Sauvage) faz uma associação no filme aos nativos americanos, que possibilita a interpretação de que se trata de pessoas selvagens e não civilizadas.

Após a polêmica, a marca retirou o vídeo do ar e não se pronunciou até o momento dessa publicação.

Publicidadeleobalbi-cabore