Depois de anunciar no mês de Agosto em Nova York o seu novo smartphone que está no topo da linha, o Galaxy Note 10, a Samsung apresenta oficialmente o aparelho para o mercado brasileiro, com dois tamanhos diferentes.

A nova aposta para representar o topo de linha da Samsung é o Galaxy Note 10, o principal lançamento da marca neste ano. O aparelho foi anunciado oficialmente para o Brasil na última segunda-feira (2) em duas versões, Galaxy Note 10 e Galaxy Note 10+.

A versão mais básica do modelo tem 8GB de memória RAM e armazenamento de 256GB. Já a sua versão que está no topo possuem 12GB de RAM e 512GB de armazenamento interno, com possibilidade de expansão e estarão à venda a partir do próximo dia 20.

Leia também:  Samsung apaga comerciais que zombavam da ausência da entrada de fone no iPhone

Os novos aparelhos chegam no país com novas funções na caneta S Pen. As suas telas chegam maiores, com 6,3 polegadas para a versão 10 e 6,8 polegadas para a versão 10+. Essas especificações fazem do modelo o maior já lançado até então pela empresa.

Outra novidade é que os novos Galaxys Note são os primeiro a chegar sem uma saída para fone de ouvido. A câmera frontal fica localizada no topo do aparelho de uma forma muito mais sutil do que no S10 e possui 10 megapixels. A câmera principal dos aparelhos são tripla no Note 10, com 16, 12 e 12 megapixels; e quádrupla, no Note 10+, com 16 MP, 12 MP, 12 MP e 3D

Leia também:  Obras de arte desaparecem de museus para promover novas TVs da Samsung

Para o Brasil, serão comercializada três versões:

Note 10, com 8GB de RAM e 256GB de armazenamento por R$5.299
Note 10+, com 12GB de RAM e 256GB de armazenamento por R$ 5.999
Note 10+, com 12GB de RAM e 512GB de armazenamento por R$ 6.799

O último modelo só poderá ser adquirido na cor branca enquanto os dois primeiros terão duas opções, sendo elas o preto e o Aura Glow. Confira o filme:

Publicidadeleobalbi-cabore