Nós já falamos aqui do Looking for a Caster, o primeiro reality do SporTV promovido em parceria com a unidade de negócios digitais, a VIU Hub. O reality promoveu uma disputa pelo título do melhor caster de Rainbow Six Siege do Brasil e coroou Camila Garcia, a Milla, como grande vencedora. No entanto, o resultado deixou parte do público bem brava, o que fez com que a narradora fosse alvo de uma leva de comentários machistas nas redes sociais, com acusações e julgamentos alegando que sua vitória não era por talento, mas sim por ela ser mulher.

Diante de tamanho absurdo, o pessoal do VIU Hub e do SporTV decidiu lançar um vídeo que dá o pontapé para o movimento #PorqueÉMulher, que visa combater este tipo de atitude escancarando o tamanho absurdo dos comentários. Assista.

Leia também:  Em ação de VIU Hub, Maisa entrevista Paulo Marinho no YouPix

#PorqueÉMulher

“Milla e Stoker foram dois finalistas exemplares. É natural que algumas pessoas não concordem, o que não é normal é ofender com críticas machistas por não aceitar o resultado. Com esse movimento queremos abrir ainda mais espaço para diálogos que possam contribuir para alguma mudança positiva na sociedade”, afirma Vanessa Oliveira, diretora geral da VIU Hub.

#PorqueÉMulher faz parte de uma série de frentes como DeixaElaTrabalhar, “Mexeu com uma, mexeu com todas”, #PrimeiroAssédio e “Não é não!”. O assunto ainda deve ser discutido em programas de outras marcas da programadora.

“Essa campanha é necessária e será abraçada também pelo GNT, Multishow, Canal Brasil, Universal e Gloob, por exemplo. Ela começou por causa de comentários do universo gamer nas redes do e-SporTV e do SporTV, mas é algo que acontece em diversas outras frentes. Vamos ampliar a discussão dentro dos nossos programas e redes sociais”, adianta Mariana Novaes, gerente de marketing da Globosat.

Leia também:  Globosat assume novo posicionamento e questiona "O que é TV"?

Com amor, GKPB <3

Acompanhe novidades em tempo real. Siga nosso perfil no Instagram.