More
    Começa depois do anúncio
    Início Quem Aprovou Isso? Bombril relança 'Krespinha' e é acusada de racismo. Quem aprovou isso?

    Bombril relança ‘Krespinha’ e é acusada de racismo. Quem aprovou isso?

    Bombril relançou esponja de inox com nome que faz alusão ao cabelo de pessoas negras. Krespinha é um produto antigo e com histórico racista. Saiba mais.

    A nossa sociedade tem lutado para conseguir se livrar de diversos termos racistas que acabaram impregnando nosso vocabulário e até mesmo produtos, como é o caso de criado-mudo, bolo nega maluca, entre outros. Mas enquanto diversas empresas se esforçam para não empregar mais estes termos, alguém responsável pela marca Bombril achou que seria interessante relançar uma esponja de inox com o nome Krespinha.

    O produto foi publicado no site da marca e também nas redes sociais. Assim que os consumidores se depararam com o Krespinha, as críticas começaram e o termo “#BombrilRacista” foi parar nos assuntos mais comentados do Twitter.

    Krespinha – Bombril

    - Continua depois do anúncio -

    Outro problema do produto é que ele não é algo novo, mas traz consigo um histórico de propaganda racista. Conforme apontaram alguns usuários, a esponja Krespinha, ainda como propriedade da Sabarco (S.A. Barros Loureiro Indústria e Comércio), utilizava um desenho de uma garota negra utilizando outros elementos racistas como “às suas ordens” e um corpo formado pela letra “K”, que levou o público a fazer uma relação com a Klu-Klux-Klan, um movimento supremacista branco americano que se tornou referência para diversos racistas no mundo todo.

    A imagem atual, claro, não traz qualquer um desses elementos, mas o que realmente chama a atenção é a falta de sensibilidade da companhia para lançar um produto com este nome em meio a uma série de protestos contra o racismo e cobrança de posicionamento das marcas por parte do público.

    Numa espécie de incentivo a um boicote à empresa, muitos internautas se relembraram de uma das principais concorrentes da Bombril na área de palhas de aço, a Assolan.

    Atualizado em 17/06/2020 – 16h10: A companhia acabou de publicar um posicionamento em suas redes sociais. Segue a íntegra do texto abaixo:

    A Bombril decidiu que vai retirar, a partir de hoje, a marca Krespinha do seu portfólio de produtos.

    Diferentemente do que foi divulgado nas redes sociais e mídia em geral, não se tratava de lançamento ou reposicionamento de produto. A marca estava no portfólio há quase 70 anos, sem nenhuma publicidade nos últimos anos, fato que não diminui nossa responsabilidade. Mesmo sem intenção em ferir ou atingir qualquer pessoa, pedimos sinceras desculpas a toda a sociedade.

    Cada vez mais, em todo o mundo, as pessoas corretamente cobram das empresas e das instituições o respeito e a valorização da diversidade. Não há mais espaço para manifestações de preconceitos, sejam elas explícitas ou implícitas. A Bombril compartilha desses valores.
    Em função disso, vamos imediatamente rever toda a comunicação da Companhia, além de identificar ações que possam gerar ainda mais compromisso com a diversidade.

    No momento em que escrevemos esta matéria a companhia já havia removido qualquer menção do produto no seu site ou redes sociais, mas vai ser difícil apagar a sensação de repulsa causada na maioria dos consumidores que tenham um pingo de empatia com o movimento negro. A pergunta que fica é: quem aprovou isso?

    Com amor, GKPB. <3

    Acompanhe novidades em tempo real. Siga nosso perfil no Instagram.

    Conheça nosso canal no Youtube:

    Conecte-se

    64,112FansLike
    74,531FollowersFollow
    13,800SubscribersSubscribe

    Para Você