Conheça o Xbox One. O novo console da Microsoft

Por: Matheus Ferreira

Ontem foi um grande dia para os gamers. A Microsoft anunciou a atualização de seu console Xbox. O videogame será lançado no mundo todo até o final do ano e tem como intenção fazer frente não só seu principal rival Playstation 4, mas também todo um mercado de tablets e games mobile e entretenimento. Com esse intuito é apresentado o Xbox One. Seu videogame e mais do que isso: sua central multimídia.

All In One

O Evento

Ao entrar no site do Xbox hoje eu me deparei com o vídeo com locução em português por cima, o que significa que a preocupação da empresa com os usuários ao redor do mundo e principalmente conosco, brasileiros, que antigamente não tínhamos nem jogos em PT-BR é relevante. Eu não entrei no site do evento ao vivo, portanto, embora acredite que a tradução foi simultânea, não posso afirmar isso, mas independentemente, é um detalhe que com certeza fez a diferença.

Hardware

Uma coisa era certa. Os videogames precisavam urgente de uma atualização urgente. Os dois principais players do mercado Xbox 360 e Playstation 3, apesar de rodarem grandes títulos com gráficos de impressionar, possuem um hardware ridículo, que além de limitar a criatividade dos desenvolvedores é quase como comprar um computador de oito anos atrás e pagar um preço de hoje em dia.

O hardware do Xbox One é o que se espera de um console lançado em 2013: CPU octa-core, 8GB de memória RAM, HDD de 500GB, drive de Blu-ray, Wi-Fi direct, HDMI e USB 3.0.

specs

Design

Por mais que a Sony tenha dado todos os detalhes de jogos, especificações e blá, blá, blá… O fato do console físico não ter sido apresentado deixou um buraco no lançamento. Como será o console? Será que ainda não está pronto? A Microsoft sabe disso, tanto que fez questão de mostrar sua preocupação estética com o produto, mesmo sabendo que esse não deveria ser o foco do evento e, no fim, o fato do consumidor ter uma imagem para guardar na cabeça é algo bem melhor que números e especificações.

ku-xlarge-82

Se as formas retangulares e planas foram a grande aposta da Microsoft no software, com o Windows 8 e Windows Phone, no âmbito do software não poderia ser diferente. O Xbox One abandona aquele formato de videogame da Xuxa, meio em “X” e dá lugar a um design mais futurista e com um ar mais sério puxando um pouco pra Bauhaus. Algo tão sutil e simples que em menos de 24 horas já tinha ganhado um apelido. Vídeocassete.

O novo Kinect

kinect

O Kinect 2 surpreendeu todas as minhas expectativas. O Kinect é agora o grande cérebro de inteligência do Xbox. Além de captar movimentos ele é o resposável por interpretar comandos de voz.

Controle de voz

Parece mesmo que o controle por voz iniciado pela Siri no iPhone lá em 2011 é mesmo a grande aposta da indústria tecnológica. De lá pra cá os recursos de voz já foram introduzidos nos mais variados dispositivos e agora chegam também ao Xbox One.

O Kinect será vendido junto com o console e se tornou praticamente parte do videogame. Quando o usuário diz “Xbox On” ele liga e já vai automaticamente para o perfil da pessoa que ele identificou a voz. Sinistro, não?

kinect2

Uma vez logado no sistema a maioria dos recursos podem ser ativados via comando de voz: basta dizer “Watch TV”, por exemplo, e a programação de TV ao vivo é acionada (isso não ficou muito claro de como será feito nem se funcionará com nossa frequência de TV por aqui).

Reconhecimento de movimentos

tudosobrexboxone_kotakubr04

Com um novo sensor de 1080p que capta imagens a 60fps o Kinect 2 consegue captar muito mais informações de movimentos e os benefícios dessas novas informações já foram exemplificados, como a capacidade de rastrear movimentos do pulso e até mesmo ler seus batimentos cardíacos enquanto você se exercita, mas nas mãos de grandes desenvolvedores é que veremos todo o potencial que esta nova ferramenta irá proporcionar.

Controle

controle

Eu nunca fui muito fã do controle do Xbox. Sempre achei uma coisa feinha e pouco ergonômico. O novo controle promete resolver todos esses problemas e proporcionar novas experiências, como feedback nos gatilhos e a reconstrução dos botões direcionais.

E aí?

Se o lançamento for realmente mundial, as chances do Brasil ser incluído na lista dos primeiros lançamentos é grande, visto a importância que as empresas de tecnologia têm dado ao país nos últimos eventos, mas o fator principal será o básico: preço. Se Smartphones estão ultrapassando facilmente a barreira dos R$ 2000,00, o preço do console por aqui tem tudo para ser tão exorbitante como tudo o que costumamos comprar relacionado a tecnologia por aqui.

Agora resta e esperar e ver com a quem vamos entregar todas nossas economias: Microsoft ou Sony?

Com amor, GKPB. <3
Acompanhe novidades em tempo real seguindo nosso perfil no Instagram.

Comentários

Os Estagiários será sua vingança contra seu chefe pré-histórico em forma de filme

Por: Matheus Ferreira

Uma das estreias prometidas para Agosto é “Os Estagiários”. O longa conta a história de dois quarentões que se veem sem alternativas no mercado de trabalho a não ser estagiar em uma moderna empresa de tecnologia. O fato é que a falta de experiência com a internet e o relacionamento com gestores com metade da idade deles serão os maiores desafios da vida desses caras.

Mal posso esperar pra ver. E na verdade espero que todos os meus ex-chefes quadradões assistam isso e pensem que enquanto eles trocam cartões de visitas amarelados, nós jogamos vídeo-games com nossos clientes. Chupem.

Veja o trailer:

Com amor, GKPB. <3
Acompanhe novidades em tempo real seguindo nosso perfil no Instagram.

Comentários

Amigos fotógrafos, vocês é que irão sorrir desta vez: Flickr é reformulado e ganha 1TB de espaço gratuito!

Por: Matheus Ferreira

Não foi só a compra do Tumblr que foi anunciada pelo Yahoo! no dia de hoje não. A empresa  divulgou um novo Flickr! Quem está há algum tempo no ramo da fotografia digital deve se lembrar que há alguns poucos anos o Flickr era uma das melhores comunidades de fotografia no mundo. Pelo fato de ser uma rede dedicada a fotos e com vários recursos inovadores para a época, o Flickr se destacou tanto que acabou sendo comprado pelo Yahoo! em 2005.

Esse passado pode voltar a ser uma realidade se depender dos esforços da empresa que agora está sob o comando de Marissa Mayer. O novo Flickr ficou realmente bonito e promete resolver o problema que mais me incomodava no serviço de uma vez por todas. Agora você tem UM TERABYTE de espaço de graça.

1tb

Como o próprio Flickr fez questão de ressaltar, com este espaço você “poderia tirar uma foto por hora pelos próximos 40 anos e não acabaria com o novo espaço”. Com um espaço desses faltaria então um redesign naquele layout estranhão, certo? Certíssimo. O novo layout está bem bonito e extremamente moderno. Há até a possibilidade de adicionar capas ao perfil.

Flickr  Sua galeria

Se isso será o suficiente para o serviço voltar ao topo dos sites de compartilhamento de imagens eu não sei, mas já prova que os novos planos do Yahoo! parecem ser bem interessantes.

Com amor, GKPB. <3
Acompanhe novidades em tempo real seguindo nosso perfil no Instagram.

Comentários

App Minbox dá um tapa na cara do Dropbox e chega com tudo no compartilhamento de arquivos para Mac

Por: Matheus Ferreira

O aplicativo até então desconhecido Minbox apareceu hoje na Mac App Store. Ele não apareceu do nada, veio dando um tapa na cara do Dropbox. Um dos maiores serviços de compartilhamento de arquivos que temos atualmente.

Sem medo de mostrar a que veio, ou melhor, a quem veio querer enfrentar, o vídeo de divulgação do aplicativo mostra quão simples é utilizá-lo e chega a debochar da forma com que se faz o mesmo processo no Dropbox.

O aplicativo é grátis e pode ser baixado exclusivamente para Macs na Mac App Store por este link.
Com informações de: TechCrunch

Com amor, GKPB. <3
Acompanhe novidades em tempo real seguindo nosso perfil no Instagram.

Comentários

Sony divulga teaser do PS4 digno de Hollywood

Por: Matheus Ferreira

Se eu já tinha ficado impressionado com a possibilidade do projeto IllumiRoom ser real, eu mal poderia imaginar por esse Teaser que a Sony vers para o novo PlayStation.

O vídeo tem um ar de suspense tão incrível, que quando termina parece que quando você quase que esquece que é só um teaser de um novo console. Parace que você acabou de assistir um trailer do Homem de Ferro 3. Veja o trailer:

Com amor, GKPB. <3
Acompanhe novidades em tempo real seguindo nosso perfil no Instagram.

Comentários

Por favor, Microsoft. Invista mais em inovação e menos em propagandas inúteis

Por: Matheus Ferreira

Eu até gosto de propagandas que incentivam a competição entre empresas. Sempre fiquei me questionando por que o mercado brasileiro é tão quadrado nesse quesito Depois de ver os últimos anúncios da Microsoft eu acho que até estou começando a concordar com este tom proibitivo que se adota por aqui. É confortante pensar que caso alguma empresa sangrando dinheiro fique desesperada, podemos evitar anúncios constrangedores como os da campanha Scroogled, da Microsoft.

No último dia 14 o Google realizou um evento, que tratamos bastante por aqui, para anunciar as maiores novidades da empresa nos últimos tempos. Em um dado momento da apresentação, o Google apresentou o vídeo abaixo, que fazia a mistura de música clássica e demonstrava a influência do navegador Chrome e a flexibilidade que ele oferece aos usuários.

Quase instantaneamente, vaza (aham…) um vídeo interno da Micrsoft:

Primeiro ponto:

O anúncio é ruim. Nos leva a pensar: “sério, Microsoft?”. O vídeo critica duramente o posicionamento estratégico do Google focado na publicidade, mas não oferece uma contra proposta. Qual a solução? Pagar preços absurdos em licenças de software que são encontrados aos montes pirateados e ficar lutando contra piratas nos tribunais ao redor do mundo?

Ainda que eu concordasse com esse modelo de venda de produtos sem o envolvimento de publicidade, eu acho que a Microsoft deveria era ficar bem quietinha, porque enquanto ela acusa o Google de utilizar informações pessoais para oferecer anúncios aos usuários, ela mesma vem se posicionando como uma “empresa de serviços”, barateando o custo da licença do sistema para investir em anúncios dentro do mesmo em aplicativos padrões como “Notícias”, “Clima”, “Finanças” etc.

bing-notícias

E convenhamos, Microsoft, todos sabemos que dar uma licença do Windows 8 quase de graça não foi nada mais do que medo do fracasso iminente da venda de PCs, não é?

Engraçado ver a Microsoft reclamando de ser vítima de boicote e tentando atacar os concorrentes na tentativa de fazer os consumidores enxergarem uma imagem distorcida e bem parecida com aquela empresa que ditou regras na década de 90.

Pena que os tempos são outros…

Com amor, GKPB. <3
Acompanhe novidades em tempo real seguindo nosso perfil no Instagram.

Comentários

Latino atende a pedido de internautas e não canta nada em ação da TIM

Por: Matheus Ferreira

A TIM realizou uma ação pelo Twitter na última quarta-feira, onde ela pedia para que os internautas enviassem sugestões com a hashtag #cantaissolatino que o ~cantor~ Latino transformaria as melhores sugestões em música. Como juntar internautas + Latino + TIM é praticamente juntar Coca-cola Diet e Mentos, o supreendente não foi o revés, mas a solução bem humorada que a empresa encontrou para lidar com as críticas.

Em um determinado momento as pessoas começaram a pedir que ele simplesmente não cantasse nada. E foi o que ele fez. O vídeo intitulado “Não canta” foi disparadamente o que mais repercutiu na ação. Com um número de 78 mil visualizações (até o momento) o vídeo foi um dos mais visualizados da série feita para os twitteiros.

Com informações de: AdNews

Com amor, GKPB. <3
Acompanhe novidades em tempo real seguindo nosso perfil no Instagram.

Comentários

Um tour pelo novo Google Maps

Por: Matheus Ferreira

O Novo Google Maps é um dos recursos mais insanos apresentados no Google I/O 2013. De novo layout até uma visualização do espaço as mudanças deram um ar mais moderno e até mais lembra um pouco a ferramenta oferecida pela Apple. Caaaaalma! Tô falando de layout. Hoje o Google ativou o novo Maps em forma de uma ferramenta de testes para usuários que se cadastraram no site. As novidades? São bem empolgantes. Vejamos:

A caixa de pesquisa

maps01

Ao entrar na ferramenta nos deparamos com um Maps em Full Screen. A barra de busca fica no topo esquerdo. Pode-se notar também a intração da ferramenta na parte de “Explorar esta área”, que sugere restaurantes, cafés, bares etc nas proximidades do usuário.

Resultados diretamente no mapa

maps02No novo Maps, ao invés de visualizar os resultados da busca por pontos organizados por letras, vemos os resultados direto no mapa. É bem mais intuitivo e bonito. Ao clicarmos num ponto de interesse, temos o seguinte recurso:

Fichas de informações

maps04

O novo padrão de design do Google são os Cards. No Maps, assim como em vários outros serviços da empresa, todas as informações do local são organizados como se fossem cards. Nome, endereço, horário de abertura, telefone, street view e até mesmo fotos podem ser facilmente acessados pelos cards que aparecem ao lado.

Nova visualização do Street View

O Street View não mudou muito, só ficou mais organizado e bonito.

maps05

Visualização de satélite e o 3D

Desde que o Google instalou cameras nos aviões dos EUA para fotografarem as mais variadas perspectivas das cidades, eu já esperava um recurso 3D com uma capacidade acima do normal. Eu não sei se fui eu que não soube mexer de primeira, mas aparentemente, só podemos visualizar quatro pontos de perspectiva. Eu não acho que alguém vá encontrar problemas nisso, mas seria legal poder girar com o mouse.

3D

Visualização espacial

earth

Eu não sei como o Google definiu o nome desta visualização, mas eu decidi chamá-la assim. Visualização espacial. O fato é que se você estiver na visualização de satélite (Earth) e rolar o scroll no sentido de zoom out chega em um momento que o planeta salta à tela e podemos ter controle total sobre a rotação dele, com direito a estrelas e posicionamento em relação ao sol e às nuvens em tempo real.

O novo Maps ainda está sendo liberado gradativamente em forma beta, mas é bem interessante e trás grandes refinamentos à ferramenta. Caso você também tenha interesse em testar o novo Maps, você pode solicitar o acesso neste link.

Com amor, GKPB. <3
Acompanhe novidades em tempo real seguindo nosso perfil no Instagram.

Comentários

Dossiê Google I/O. Tudo o que foi lançado num dos eventos mais importantes do ano no mundo da Tecnologia.

Por: Matheus Ferreira

Ontem aconteceu o Google I/O. O evento do Google destinado a desenvolvedores, mas que marca o ano com lançamentos de ferramentas sensacionais. Este ano, assim como todos os outros, não foi diferente. A empresa de Mountain View supreendeu nas novidades, embora em algumas áreas tenha desapontado. Vamos ver tudo o que foi dito na Keynote.

Antes de mais nada, eu queria levantar uma questão: Como o Google conseguiu utilizar um degradê lavado do azul pro magenta e conseguir algo realmente bonito? Eu não sei. Estou até agora imaginando o nível de segurança de si próprio que se deve ter pra, em 2013, se fazer um logo com degradês que não envolva o mesmo tom de cor. Enfim. Eles fizeram isso e ficou paradoxalmente bonito.

io

 

Android e Google Glass

Ao contrário do que todos achávamos, não houve lançamento de nenhuma atualização no código base do sistema operacional. Ou grande investimento no óculos da empresa para a Keynote. Entretanto, as novidades vieram em forma de aplicativos. E não foram poucas.

Google Play Games

Google-Play-Services

O Google Play Games é um Game Center mais aberto. O aplicativo do Google tem como intenção principal o sincronismo de dados de um determinado aplicativo em vários dispositivos. E isto não é apenas para Androids. A empresa prometeu que aplicativos da plataforma da Apple poderão utilizar o recurso do Play Games também. Ou seja, se você tem um smarphone com Android e um iPad, poderá compartilhar seus pontos e demais dados nos dois dispositivos sem necessidade de login com Facebook, Openfeint ou serviços similares. E como se tudo isso não fosse o bastante, aplicativos que rodam na web também poderão utilizar o Google Play Games Services.

Google Play Music All Access

playmusic

A mercado de compra e venda de músicas ressucitou dos mortos e está indo bem, mas o mercado de aluguel ilimitado de músicas parece tão vantajoso quanto. Não é a toa que vimos diversas empresas emergirem como foguetes apostando somente neste mercado, como o Pandora, Rdio, Spotify, entre outros.

O nome é péssimo, mas o serviço parece ter grande probabilidades de ser um sucesso. A ideia do Google Play Music All Access é direta e clara. Pagando US$ 9,99 mensais você (caso seja um morador dos EUA, por enquanto) pode ter acesso ilimitado a todo o acervo de músicas do Play Music. Um serviço bem semelhante a outras opções que temos aqui hoje como o Rdio, por exemplo, que conseguiu um sucesso estrondoso no Brasil nos últimos meses, mas que esperamos ansiosamente que chegue aqui. Até mesmo porque, quanto mais concorrência, melhor a oferta, não?!

Ah, é! Todas as plataformas do Play Music tiveram o layout alterado para uma coisa bem Google Now look and feel.

Galaxy S4 + Nexus Experience

s4

OK. O aparelho da Samsung (que eu ainda vou falar sobre ele em um Hands On por aqui em breve) é excelente. Uma pancada de núcleos, show de especificações e sensores, mas as grandes diferenciações do Galaxy S4 foram efetivamente de software. Se você é um Desenvolvedor/Designer que odeia a interface Touchwiz ou simplesmente não quer perder metade da capacidade de armazenamento do seu smartphone, você pode comprar um Galaxy S4 com o Android Puro e atualizações do Google. O que, se considerarmos a existência do projeto CyanogenMod pode não significar muita coisa, além de ter o Bootloader destravado. O que isso significa? Eu também não sei não, mas dizem que pra rodar Custom ROMs é melhor que um smartphone android tenha isso.

O anúncio estava indo bem, até o preço ser anunciado. Nada de descontinhos do Google. Os preços são os mesmos praticados pela Samsung no mercado norte americano. Algo que pra nós, aqui no Brasil, não faz diferença nenhuma mesmo, visto que como não temos subsídio aqui, continuaríamos pagando nossos rins num S4 com ou sem Android Puro.

WebP e VP9

O WebP é a aposta do Google para formatos de imagem na Web. O formato permite a mesma qualidade do JPG e o dinamismo de animação dos GIFs prometendo imagens até 30% mais leves, o que parece ser ótimo… se alguém me provar que isso rode em algum lugar fora o Google Chrome, claro.

Webp

Já o VP9 é um formato de vídeo que também tem como intenção oferecer a mesma qualidade de imagem que outros padrões por um tamanho bem menor. O VP9 chega a ser 63% menor que um dos formatos mais leves utilizados hoje na web, o H.264.

vp9

Google+

A aposta do Google nas redes sociais começou um pouco desastrosa, mas hoje já é uma das plataformas mais preparadas para o cotidiano multiplataformas que temos hoje. Algo que fez o Facebook acordar pra vida e lançar algumas inovações realmente interessantess. O que não acontecia há um bom tempo.

Ao todo foram lançados 41 serviços. Alguns merecendo mais destaques que outros. Vamos abordar alguns deles aqui embaixo.

Novo Stream

gplus

É.. o Feed de notícias mesmo. Aquela interface bonita que já funcionava há algum tempo no mobile tomou conta do feed de notícias do Google Plus. Está tudo melhor distribuído, organizado e até mesmo mais bonito que antes.

Hangouts

hangouts

O nome do serviço de vídeos do Google+ passou a integrar todas as formas de comunicação da ferramenta, substituindo até mesmo o fracassado Google Talk. O serviço ganhou novos aplicativos para Android, iOS e um destaque maior na rede social. O novo Hangouts é o velho Talk com um layout mais agradável e mais onipresente nos serviços do Google. E vale a pena.

Ainda houveram outros recursos dignos de nota como os 15GB de armazenamento para backup de fotos no tamanho que eles intitularam como “Full Size” e um monte de ferramentas pra melhorar (ou estragar) suas fotos.

Buscas

Sim.. o Google ainda faz buscas!

O início da apresentação das novidades na busca do Google é enfático: “O fim da busca como nós conhecemos”. Este é o objetivo do carro-chefe da empresa.

Na Web, o buscador passa a suportar buscas por voz, da mesma forma que já funcionava nos dispositivos mobile. A intenção é que, ao invés de digitar palavras-chave na ferramenta, o usuário passe a conversar com o Google em busca de respostas de tudo aquilo que precisa saber.

google-io-busca

Já o Google Now, o buscador para dispositivos móveis ganhou vários novos recursos, como Lembretes e envio de email, que aproximam a ferramenta da Siri, o assistente pessoal do iOS. E mais: álbuns de música, programas de TV, jogos, livros e aprimoramentos no trânsito.

cardsgnow

Google Maps

O Maps é uma das ferramentas mais insanas do Google e com a retirada do serviço do iOS pudemos ter uma ideia do quanto o serviço já está enraizado em nossas vidas. No I/O o Google separou um espaço especial para a ferramenta. Revelando dezenas de novidades e transferindo o ar da apresentação para algo mais “Estamos facilitando sua vida e construindo um mundo melhor”.

A apresentação começou com um certo deboche por parte do Google em relação à ferramenta de mapas da Apple: “Google Maps no iPhone: pessoas disseram que ele é rápido, simples, bonito… e não podemos deixar de dizer, mais preciso.” Logo depois foi apresentada uma nova versão do app para Android, com um novo vistual, mais parecido com o visual adotado no app para iPhone, que deve chegar somente no próximo semestre.

Inteligência

O novo Maps para mobile está mais inteligente. Ele agora passa a avisar o usuário sobre acidentes ou quaisquer alterações que possam influenciar o trajeto, sugerindo um caminho alternativo. Além disso a ferramenta procura oferecer lugares de interesse baseado nos dados do Google Now.

Maps para iPad

A empresa anunciou que em breve teremos um app para iPad. Os tempos de Webapp dos usuários do iOS podem estar chegando ao fim.

Novo layout

maps

O novo Maps para a Web é apresentado sem a barra lateral presente há muito tempo no sistema. Agora apenas um campo de busca no canto superior esquerdo e tudo vai acontecendo em baixo disto.

Ainda não é em tempo real, mas estamos quase lá…

O novo Maps traz uma função incrível. Podemos dar zoom out até termos uma visão espacial do planeta com a posição em relação ao sol e das nuvens em tempo real. E a parte escura tem direito a um mapa noturno.

New-Novo-Google-Maps-Google-IO-20131

No final do evento um globo terrestre ficou rodando em plano de fundo e o Larry Page subiu no palco com o microfone da Eliana e abriu um espaço para perguntas.

Resumo do evento

Como dito lá em cima, algumas coisas realmente ficaram de fora, mas tivemos muito mais novidades do que o esperado (pelo menos por mim) e acho que não veremos tantas novidades assim no mundo da tecnologia pelo menos até a próxima WWDC que deverá ocorrer na segunda semana de junho e com certeza será tópico de muitas matérias por aqui. Agora é esperar para poder desfrutar de tudo o que foi anunciado.

Com amor, GKPB. <3
Acompanhe novidades em tempo real seguindo nosso perfil no Instagram.

Comentários